Floating FB popout byInfofru

For more plugins visitReviewresults

SigeCom

Sistema de Gestão para Assessoria de Imprensa e Comunicação

Como praticar networking

Uma rede de relacionamentos consolidada é fundamental para profissionais da área de comunicação. Jornalistas e assessores de imprensa precisam estar antenados sobre as pautas do momento e buscar fontes que contribuam para o seu trabalho, assim como ampliar o círculo de pessoas com ideias e projetos inovadores. Dessa forma, quem tem bons contatos, pode até não saber fazer algo, mas consegue indicar quem o faça da melhor forma possível.

O exercício de criar um bom networking, no entanto, exige dedicação. Mais do que trocar cumprimentos e falar sobre amenidades em um encontro, trata-se de construir um relacionamento verdadeiro em que as duas partes possuem interesses e informações para compartilhar. Como resultado dessa conexão sincera e recíproca, podem surgir oportunidades de negócios, vagas de emprego e grandes emplacadas na mídia.

Baixe o E-book Gratuito - Como mensurar o trabalho da assessoria de imprensa

Na assessoria de imprensa, a habilidade para entrevistar e escrever um texto é tão importante quanto a desenvoltura e iniciativa para interagir com os clientes e com os profissionais dos veículos. O bom relacionamento geralmente é a porta de entrada para se emplacar uma pauta, pois a receptividade do jornalista será maior ao contato de um assessor com quem já possui afinidade.

Esse trabalho, no entanto, precisa ser realizado com cuidado, pois o segredo do networking está em cultivar a relação e certificar-se de que você também tem algo a oferecer para a outra pessoa – sejam boas ideias, sugestões de conteúdos interessantes ou até mesmo indicações de profissionais que tenham outras conexões. A troca de pequenos favores é uma base para fortalecer esse vínculo e aproximar cada vez mais os envolvidos.

O investimento de tempo e atenção para desenvolver essa relação é essencial para a colheita de bons frutos. Mas não basta adicionar centenas de nomes na rede social e disparar mensagens genéricas com a intenção de ser lembrado. Networking precisa ser personalizado e trabalhado aos poucos, com naturalidade; planejamento (para fazer a melhor a abordagem, por exemplo); compartilhamento (de assuntos de interesse mútuo) e atendimento das solicitações, sempre que possível. O fortalecimento desse canal pode fazer a diferença na hora de uma pauta virar capa da edição, por exemplo. Vale à pena o esforço!